terça-feira, 17 de abril de 2012

PÁSCOA - ASSOCIAÇÃO

Como vimos no último torneio de ténis, os BNUs estão vivos. Temos de ressaltar um fenómeno que ali foi visível. Foi o "acompanhamento" dos colegas para estes encontros. Nós já somos entradotes. Mas vão connosco os filhos e os netos que vivem a nossa ligação e ganham consciência do que foi a história do nosso banco.
Estes torneios de ténis, neste aspeto, são talvez onde se nota mais ou talvez os únicos onde se nota este seguimento dos mais novos. Se não fôr assim, uma vez que o BNU acabou, lá se perderá a nossa história nalgum canto de uma biblioteca de Alexandria que, mais dia menos dia, é queimada pelos novos senhores.


Os torneios de ténis realizam-se há 27 anos, sempre por altura da Páscoa. No tempo do BNU, o torneio vivia no âmbito e "ajuda" do Grupo Desportivo. Agora, felizmente, temos uma associação que compreende a importância destes encontros para preservar o que é o "Antigo Empregado do BNU".
Desde que o Grupo Desportivo despareceu, há já vários anos, tem sido a Associação dos Antigos Empregados do BNU que assegorou a realização destes torneios, apoiando toda a logística  relativa ao ténis: troféus, aluguer de campos, bolas, etc.
Este ano não fugiu à regra.
Atualmente fazem parte dos órgãos sociais da nossa Associação elementos que costumam entrar nestes torneios de ténis e que este ano não falharam: Jorge Arrais, Carlos Duarte e Armindo Almeida. Este ano faltou o Sampaio Cálix. Olá Sampaio, o Sporting vai ganhar a todos os espanhóis até à vitória final!
Há que dizer que a ação meritória da nossa Associação esteve sempre nas conversas no torneio de ténis e foi sempre em seu nome que foram feitas todas as ações do grupo de ténis.
Força Associação! Parabéns! Todos estamos com os atuais dirigentes que compreendem o que realmente interessa preservar da nossa identidade!
video

Horácio Rodrigues referindo os apoios da Associação e
agradecendo em nome da Associação à gerente do hotel Santarém

Sem comentários:

Enviar um comentário